Entenda o método ABCDE para identificar os sinais de câncer de pele

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer, por ano, cerca de oito mil casos de câncer de pele são diagnosticados no Brasil, e isso é um dado que infelizmente, eu como dermatologista, tenho muita preocupação em informar.

Por ser um dos cânceres mais prevalentes, me sinto no dever de alertar sobre os cuidados com a saúde da pele para você se prevenir e ficar atento a possíveis sinais de câncer de pele. Em uma entrevista que concedi ao Jornal Anhanguera, filial da Rede Globo, eu falei sobre algumas características para se prestar a atenção e que são fáceis de suspeitar de um câncer de pele.

Para identificar melhor um potencial câncer de pele, principalmente o melanoma, eu vou ensinar para você o método de análise do ABCDE. É um autoexame no qual o paciente observa as manchas no corpo, as características e mudanças das manchas. Nós dermatologistas recomendamos bastante para que você verifique se há câncer de pele.

abcde cancer de pele
abcde cancer de pele

A de assimetria

Se você dividir a pinta ao meio ela não terá as mesmas características de um lado e do outro. Isso é um sinal de alerta! A assimetria indica que a mancha pode representar um tumor maligno, e o tratamento é fundamental para prevenir a progressão e gravidade da doença.

B de borda Irregulares

Se você observar, caso seja um melanoma, não será uma pinta redondinha. Por isso, preste atenção nos limites externos e veja se eles são simétricos ou não.

C de Cores diferentes

Normalmente essa pinta terá um ponto mais pigmentado, uma região mais escura do que outra e, portanto, isso deve chamar mais sua atenção.

Entenda o método ABCDE para identificar os sinais de câncer de pele
Como identificar um câncer de pele?

Um câncer de melanoma, na maioria dos casos, não é muito pequeno. Ele é maior que 0,6 milímetros.  Isso porque, em geral, as manchas benignas não ultrapassam esse tamanho.

E de Evolução

A evolução da pinta, ou seja, quando o tamanho, a cor e a forma da pinta mudam com o tempo geralmente muito rapidamente, é preciso muita atenção. Afinal, é muito provável que o sinal seja a forma mais grave de câncer de pele. A visita a um especialista é fundamental para determinar o quadro e realizar o tratamento necessário.

Na entrevista eu também destaquei que é importante dar atenção a feridas, espinhas que cicatrizam e voltam, e é indispensável você procurar um dermatologista para analisar a lesão. Além disso, também dou dicas de como se proteger corretamente e prevenir esse tipo de dano à saúde da pele.

Clique no link abaixo e confira a entrevista!

Blog Especialista em câncer de pele Dr. Bones Jr.
Dr. Bones Junior

O Dr. Bones Jr. é graduado em Medicina pela Universidade Federal de Goiás e especializado em Dermatologia há mais de oito anos. Ele oferece atendimento e tratamentos humanizados, com técnicas de última geração, incluindo a especialização em Mohs, para proporcionar uma consulta dermatológica completa e eficaz.

Phone
WhatsApp
WhatsApp
Phone