Como clarear melasma: métodos e tratamentos

Você já ouviu falar em melasma ou cloasma? Essa condição de pele pode afetar muitas pessoas, principalmente mulheres, e o objetivo deste artigo é ajudá-lo a entender como clarear melasma de forma eficaz. 

No artigo de hoje, vamos falar um pouco mais sobre como clarear melasma, bem como os métodos e tratamentos disponíveis, além de dicas de prevenção e cuidados com a pele.

Então, se você quer entender um pouco melhor a respeito desse assunto, é só continuar a sua leitura nos parágrafos seguintes.

O que é melasma?

É uma condição de pele caracterizada pelo aparecimento de manchas escuras na face, principalmente nas bochechas, testa, nariz e queixo. 

Essas manchas ocorrem devido à hiperpigmentação da pele e são mais comuns em mulheres, embora também possam afetar homens.

Quais são as causas do melasma?

Antes de falarmos sobre como clarear melasma, é essencial que você entenda melhor a respeito de quais são as causas desse problema.

Mas, quanto a isso, deve-se ter em mente de que ainda não se compreende por completo as causas para esse problema.

Contudo, acredita-se que envolva uma combinação de fatores genéticos, hormonais e ambientais. Algumas das principais causas e fatores de risco associados ao melasma são os seguintes:

Exposição ao sol

A radiação ultravioleta (UV) do sol pode estimular a produção de melanina, o pigmento responsável pela cor da pele.

O excesso de melanina pode levar ao desenvolvimento de manchas escuras ou marrom-acinzentadas na pele.

Hormônios

Alterações hormonais, como as ocorridas durante a gravidez, uso de anticoncepcionais orais ou terapia de reposição hormonal, podem desencadear ou piorar o melasma.

A condição é particularmente comum em mulheres grávidas, sendo às vezes chamada de “máscara da gravidez”.

Genética

A predisposição genética pode desempenhar um papel no desenvolvimento do melasma. Indivíduos com histórico familiar da condição ou com certos tipos de pele podem ser mais propensos a desenvolver melasma.

Produtos para a pele

O uso de certos produtos cosméticos ou de cuidados com a pele que irritam a pele também pode contribuir para o desenvolvimento do melasma.

Embora o melasma não seja uma condição médica grave, pode causar desconforto emocional ou psicológico devido à sua aparência.

O tratamento geralmente se concentra na redução da aparência das manchas escuras e na prevenção de novas manchas, usando medidas como protetor solar, cremes clareadores e tratamentos dermatológicos.

Quais são os tipos de cloasma?

Cloasma é outro termo para descrever o melasma, uma condição de pele caracterizada pelo aparecimento de manchas escuras ou marrom-acinzentadas.

O termo “cloasma” é frequentemente usado em relação ao melasma que ocorre durante a gravidez, também conhecido como “máscara da gravidez”.

É possível classificar o melasma em três diferentes tipos, o qual se baseia na profundidade do excesso de pigmento de pele. Quanto a isso, os tipos são os seguintes:

Melasma epidérmico

Neste tipo, o excesso de pigmentação está localizado na camada mais externa da pele, chamada epiderme.

As manchas tendem a ser mais escuras e bem definidas, com coloração marrom. Então, se você quer saber como clarear melasma epidérmico, saiba que geralmente responde bem aos tratamentos tópicos e outros métodos de clareamento.

Melasma dérmico

Neste caso, o excesso de pigmento está localizado na derme, a camada intermediária da pele.

As manchas podem ter uma coloração azul-acinzentada e são mais difíceis de tratar, pois os tratamentos tópicos geralmente não penetram na derme.

Melasma misto

No que se refere ao tipo misto, ele apresenta uma combinação de pigmentação epidérmica e dérmica, com manchas variando em cor e intensidade.

Mas, como clarear melasma misto? Nesse caso, esse tipo de cloasma pode ser parcialmente responsivo aos tratamentos tópicos e outros métodos de clareamento, mas a melhoria pode ser mais lenta e menos previsível.

É indispensável consultar um dermatologista para determinar o tipo de melasma e discutir as opções de tratamento apropriadas.

Os tratamentos podem incluir cremes clareadores, protetor solar, tratamentos a laser, peelings químicos ou microdermoabrasão, a depender da gravidade e do tipo de melasma.

Como clarear melasma?

Existem algumas formas de como clarear melasma, mas, dentre algumas das questões das quais você deve levar em consideração, podemos mencionar as seguintes:

Cremes clareadores

Cremes clareadores são uma opção popular para tratamento. Eles contêm ingredientes que ajudam a inibir a produção de melanina, como hidroquinona, ácido kójico e ácido azelaico. 

Esses cremes devem ser usados sob orientação médica, pois podem causar efeitos colaterais.

Ácidos

Ao falar sobre como clarear melasma, é bem provável que a grande maioria das pessoas logo tenha imaginado a respeito dos ácidos.

Afinal de contas, os ácidos são substâncias que podem ajudar no clareamento deste distúrbio. O ácido glicólico, ácido mandélico e ácido salicílico são alguns exemplos. 

Além disso, esses produtos promovem a renovação celular e ajudam a eliminar as células pigmentadas.

Laser e luz pulsada

Tratamentos a laser e luz pulsada são opções para casos mais graves. Essas técnicas atuam na melanina, promovendo a fragmentação das células pigmentadas. 

Devemos lembrar ainda que esses tratamentos devem ser realizados por profissionais qualificados.

Microagulhamento

O microagulhamento é uma técnica que estimula a produção de colágeno e ajuda na absorção de produtos clareadores aplicados na pele. 

O procedimento é realizado com um dispositivo de agulhas finas que penetram a pele, causando pequenas lesões que ativam o processo de cicatrização e renovação celular.

Peeling químico

O peeling químico é um tratamento que utiliza soluções ácidas para remover as camadas superficiais da pele e promover a renovação celular. 

Esse procedimento pode ajudar no clareamento, mas é necessário realizá-lo sob supervisão médica para evitar complicações.

Protetor solar

Não há formas de falar sobre como clarear melasma e não citar o protetor solar. Afinal de contas, ele é fundamental para prevenir o agravamento do melasma.

Use um protetor solar de amplo espectro com um FPS de no mínimo 30 e aplique-o todos os dias, mesmo em dias nublados.

Isso irá ajudar a minimizar os efeitos da radiação ultravioleta na produção de melanina.

Medicamentos tópicos com retinoides

Por fim, uma outra forma de como clarear melasma é justamente por meio de alguns medicamentos tópicos com retinoides.

Cremes contendo retinoides, como tretinoína, podem ajudar a acelerar a renovação celular e melhorar a aparência do melasma.

No entanto, esses medicamentos podem causar irritação e sensibilidade na pele e devem ser usados sob supervisão médica.

Cuidados e prevenção

Agora que você já sabe como clarear melasma, é necessário obter algumas dicas de cuidados e prevenção.

Quanto a isso, nossas dicas são as seguintes:

Protetor solar

O uso diário de protetor solar é fundamental na prevenção e garantir a eficácia dos tratamentos.

Escolha um produto com fator de proteção solar (FPS) 30 ou superior e aplique-o generosamente no rosto e pescoço, mesmo em dias nublados ou chuvosos.

Hidratação da pele

Manter a pele hidratada é essencial para a saúde geral da pele e pode ajudar na prevenção e tratamento.

Sendo assim, utilize produtos específicos para o seu tipo de pele e beba bastante água ao longo do dia.

Evitar fatores desencadeantes

Além da exposição ao sol, outros fatores podem desencadear esse distúrbio, como o uso de anticoncepcionais e a gravidez.

Se possível, evite esses fatores ou converse com seu médico sobre alternativas para reduzir o risco de desenvolver essa condição.

Posso clarear melasma com tratamentos caseiros?

Posso clarear melasma com tratamentos caseiros
Posso clarear melasma com tratamentos caseiros

Quando se fala sobre como clarear melasma, muitas pessoas se perguntam se é possível fazer isso de forma caseira.

Embora seja possível tentar clarear o melasma com tratamentos caseiros, é preciso lembrar que esses métodos podem não ser tão eficazes quanto os tratamentos médicos ou estéticos profissionais.

Além disso, alguns tratamentos caseiros podem causar irritação ou agravar a condição se não forem usados corretamente.

Aqui estão algumas opções de tratamento caseiro que você pode tentar:

Limão

O suco de limão contém ácido cítrico, que pode ajudar a esfoliar e clarear a pele. No entanto, o suco de limão pode ser muito ácido e irritante para algumas pessoas.

Se você optar por usá-lo, dilua-o com água e aplique-o nas áreas afetadas com um algodão, deixando por 10 a 15 minutos antes de enxaguar.

Evite a exposição ao sol durante o tratamento com limão, pois pode causar fotossensibilidade.

Vinagre de maçã

O vinagre de maçã possui propriedades esfoliantes suaves que podem ajudar a clarear o melasma.

Misture partes iguais de vinagre de maçã e água e aplique a solução nas áreas afetadas com um algodão, enxaguando após 10 a 15 minutos.

Aloe vera

Aloe vera tem propriedades calmantes e hidratantes que podem ajudar a melhorar a textura da pele.

Aplique o gel de aloe vera puro nas áreas afetadas e deixe agir durante a noite antes de enxaguar pela manhã.

Máscara de aveia e leite

A combinação de aveia e leite pode fornecer uma esfoliação suave e clareamento da pele. Misture a aveia moída com leite até formar uma pasta e aplique-a nas áreas afetadas, deixando por 15 a 20 minutos antes de enxaguar.

Óleo de rícino

O óleo de rícino pode ajudar a hidratar e nutrir a pele, possivelmente ajudando a clarear o melasma. Aplique o óleo de rícino nas áreas afetadas e massageie suavemente antes de enxaguar.

Embora esses tratamentos caseiros possam oferecer algum benefício, devemos lembrar que os resultados podem variar e que nem todos os tratamentos são adequados para todos os tipos de pele.

Consultar um dermatologista é sempre a melhor opção para determinar a abordagem de tratamento mais apropriada e eficaz para o seu melasma.

Além disso, continue usando protetor solar e evitando a exposição excessiva ao sol para prevenir o agravamento do melasma.

Conclusão

O melasma ou cloasma é uma condição de pele que pode ser desafiadora de tratar, mas com os métodos e tratamentos corretos, é possível clarear as manchas e melhorar a aparência da pele.

Não se esqueça de consultar um dermatologista antes de iniciar qualquer tratamento e de seguir as recomendações de cuidados e prevenção para obter os melhores resultados.

Perguntas frequentes sobre como clarear melasma

O cloasma tem cura?

Também conhecido como melasma, o cloasma  pode ser controlado, mas não há uma cura definitiva. O tratamento pode ajudar a clarear as manchas, mas a condição pode voltar se os cuidados e a prevenção não forem mantidos.

A maquiagem piora o melasma?

A maquiagem, por si só, não piora. É necessário escolher produtos que não agridam a pele e que tenham filtro solar. Além disso, remova a maquiagem antes de dormir para evitar o acúmulo de resíduos na pele.

Blog Especialista em câncer de pele Dr. Bones Jr.
Dr. Bones Junior

O Dr. Bones Jr. é graduado em Medicina pela Universidade Federal de Goiás e especializado em Dermatologia há mais de oito anos. Ele oferece atendimento e tratamentos humanizados, com técnicas de última geração, incluindo a especialização em Mohs, para proporcionar uma consulta dermatológica completa e eficaz.

Phone
WhatsApp
WhatsApp
Phone